Encontro…

“Se foste chamado à fé, não recorras ao divino Orientador suplicando privilégios e benefícios que justifiquem tua permanência na estagnação espiritual.” (Emmanuel). * * * Se nosso encontro com o Mestre for verdadeiro, os compromissos estarão explícitos: Firma-se, então, um pacto: obrigações que deveremos realizar; eventos a nos abstermos. Nesse momento, quando “caímos do cavalo”, reportando-nos […]

Alquimistas

“O médium natural (…) traz de vidas passadas um manancial significativo de experiências, que lhe faculta desestruturar a realidade conhecida e reestruturá-la de formas diferentes e expressivas.” (Hammed). * * * Autores informam que todos somos médiuns porque somos inspirados: recebemos farta ‘fermentação externa.’ Outros, afirmam que é por possuirmos um corpo fluídico: o perispírito que […]

Vulneráveis, invulneráveis…

“Fortaleçamo-nos no Senhor e sigamos de alma erguida, para frente, na execução da tarefa que o divino Mestre nos confiou.” (Emmanuel). * * * Quando Paulo deseja aos Efésios (e a nós) que “sejamos fortalecidos no Senhor” (6:10), não enxerga nisso custódia, protecionismo; supõe deveres. Nosso maior ou menor enquadramento às Leis eternas – os deveres – nos […]

Rosa e roseira

Conectar-nos à rosa é agradabilíssimo! Conectar-nos à roseira é necessário! * * * Os que jardinamos, entendemos que a rosa é a rainha do jardim; compreendemos, porém, quão difícil é lidar com a roseira: Com seus espinhos felinos, fere-nos as mãos, por mais cuidadosos que sejamos. Sempre que despertamos do sono físico e nos conectamos […]

Caixa preta/tacógrafo

“Não te proponhas atravessar o mundo sem tentações: elas nascem contigo, [brotam] de ti mesmo e alimentam-se de ti, quando não as combates dedicadamente…” (Emmanuel). * * * Nosso perispírito, fiel escudeiro, ‘meio de campo’, é como se fora a caixa preta de aeronave ou tacógrafo de utilitário: Registra fielmente informações de nossas boas e más navegações pretéritas; […]

Amigo das diversidades

“O Amigo divino sabe o que existe em nós… Mas nem por isso deixa de estender-nos amorosamente as mãos.” (Emmanuel). * * * Em trajetória terrena, o Mestre acercou-se de Espíritos heterogêneos; compreendia-os assim; sabia o que neles existia, mas não evitou suas diversidades: Assim procedeu com Zaqueu, Madalena, Nicodemos, Simão Pedro, Tomé, Judas… Simbolizavam estes a usura, possessão, vaidade, […]

Desígnios

“Somente pela execução de nossos deveres, na concretização do bem, alcançaremos a compreensão da vida, e o conhecimento da ‘perfeita vontade de Deus’ a nosso respeito.” (Emmanuel). * * * Deus obra incessante: minerais se movimentam; vegetais, com colaboração de minúsculos insetos, se reinventam; animais cumprem propósitos Divinos. Não desejaria o homem, a inteligência, permanecer estático: […]