Jesus-religioso_779597551_0091Expressamo-nos errônea e comumente: ‘Jesus morreu para nos salvar!’ Deveríamos dizer: ‘Jesus nasceu, viveu e morreu para nos salvar’ ou, simplesmente, ‘criado pelo amor do Pai, viveu, em todos os tempos, para nos financiar a salvação!’

Toda a vida de sacrifícios do Mestre, da manjedoura ao Gólgota, longe de ser uma vida material principesca, está a nos indicar o caminho apertado da salvação:

Sua maternidade – a manjedoura da estrebaria – passando pela vida franciscana e culminando com o sacrifício infame, reservado a impostores e ladrões, mostra-nos o caminho e porta estreitos. Existe caminho mais adequado à salvação?

Entre a manjedoura e o Gólgota, sua rota foi de amor e humildade, exteriorizados pela paixão aos doentes do corpo e do Espírito, por sua compaixão e isenção perante os desprovidos de quaisquer dignidades.

A cruz do Gólgota representou [apenas] o coroamento da obra. Antes passaria pela manjedoura e pela vida simples, informando-nos os verdadeiros segredos da salvação.

Muito antes da manjedoura; durante breve, mas profícua encarnação; e muito depois do Gólgota, Jesus é o ‘verdadeiro presente Governador’ que o Pai nos dá como guia e modelo para todas as nossas vivências.

Pensemos nisto, queridos amigos enquanto lhes desejamos os melhores votos de melhora lenta, porém constante: A evolução salvadora!

Um abraço apertado com votos de BOAS FESTAS, do Claudio!

(Sintonia: Questão 286 de O Consolador, pg. 195, de Emmanuel e Francisco Cândido Xavier, editora FEB, 29ª edição) – (Verão de 2014).

2 Comentários para “Da manjedoura ao Gólgota”

  • Elci Senna Mano says:

    Lindo, Claudio! Nos leva a pensar que a vinda e a vida dEle foi a maior prova de amor que a humanidade poderia receber. Que saibamos viver o Seu Evangelho, na construção da evolução salvadora, como dizes. Grata por partilhar! Boas Festas! Que o amor de Jesus esteja muito presente no teu lar neste Natal, abençoando-os infinitamente!

  • Silvia Gomes says:

    Prova de amor maior não há, lição melhor jamais iremos receber!
    Resta-nos AGRADECER e APRENDER!
    Obrigado Claudio e MUITO, MUITO BOAS FESTAS!!

Deixe um comentário