Posts Tagged ‘Espírito’

imagePaulo se dirigindo aos Coríntios, assim se expressa: … Há diversidade de dons, mas o Espírito é o mesmo (I, 12:4). Emmanuel, aproveitando a citação, nos exortará: Repara a posição em que te situas e atende aos imperativos do infinito Bem. Coloca a Vontade divina acima de teus desejos, e a Vontade divina te aproveitará.

* * *

Seria impensável todos ocuparmos posições iguais nos diversos círculos: familiar, voluntariado, social, partidário…

Todavia, se nossa posição será sempre ímpar e do aprendiz particularizado, comum sempre será a força que nos moverá, mormente quando estivermos atendendo aos imperativos do infinito Bem. Tal força é, nada mais, nada menos, que o mesmo Espírito divino ou a mesma genética divina que estará nos fortalecendo e impulsionando.

Cada qual operará com o dom que lhe é peculiar, fruto de uma evolução particular, mas todos revelando as qualidades divinas, pois que um mesmo Espírito nos encorajando.

Quem administra, comanda, dá ordens, instrui… como os que são administrados, comandados, obedecem ou são instruídos, cumprem, todos, posições que conquistaram por força de evolução própria, todavia todos serão movidos pelo mesmo Espírito e com uma finalidade comum, a do infinito Bem, pois que Deus é o Bem.

Pobres, fracos, doentes, aprendizes de hoje, serão os ricos, fortes, sadios, instrutores de amanhã, mas porque investidos de um mesmo Espírito ou bafejados por um mesmo hálito divino; aos primeiros não deverá faltar a resignação, humildade e a dignidade e aos últimos a generosidade, vigor e a contribuição de seus bens intelectuais e morais.

* * *

Posições diversas; mesmo Espírito. Posições diversificadas, por força de aprendizados que farão evoluções também desiguais. Mesmo Espírito ou a mesma fonte, Paráclito, Protetor, defensor, incentivador, mentor ou como desejarmos designá-lo.

Com o mesmo Espírito, embora em posições diversas, sempre seremos aproveitados por nossa Divindade.

Nossa posição representa o tijolinho, sempre importante para um Deus que cria constantemente; o Espírito é o engenheiro da Obra toda!

(Sintonia: Fonte viva, Cap. Cada qual, ditado por Emmanuel a Chico Xavier, 1ª edição da FEB) – (Cassino; verão de 2016).