Posts Tagged ‘Exercitamento espiritual’

5826_us_olympic_weightlifting_trialsAtletas, tribunos, poetas, pintores, para se verem premiados durante suas vidas, treinam duro, exercitam suas vozes, esteticizam seus versos e rimas, repetem seus traços e cores. Nenhum treinador lhes adiantará se suas vontades não forem férreas…

* * *

Nas questões da reforma íntima, o grande diferencial será a persistência, o sagrado e humilde recomeçar, a não deserção de propósitos; perante nosso coxear espiritual, recomeçarmos sempre! Também neste treinamento íntimo, a par do auxílio de nossos Personal Trainers Espirituais, nossa vontade fará a diferença:

  • Obstáculos da impulsividade requererão luta constante se, por conta de nosso caráter, trouxermos o flagelo da cólera;
  • Neste milênio a meta da Regeneração passa pela fraternidade; esta virtude é impossível sem trocarmos a sedentária maledicência pelo treinamento do respeito;
  • Equilíbrio requer realinhar-nos à Lei – chamamos isso de ‘realeinhamento’;
  • Abnegação não significa desejo de doar-se, mas ação; a palavra fala por si;
  • A obra é o halterofilismo da fé; é aquela que treina os músculos desta! e
  • Humildade e paciência como todos os treinamentos, requerem repetição.

* * *

Existem campeonatos ocultos sem qualquer aplauso do mundo, embora atenciosamente [assistidos pela] Esfera Espiritual. Os louros advindos de treinamentos íntimos refletem as pequenas vitórias de nossa alma no entrevero da Academia Terrestre. Aliás, na fachada dessa Academia está escrita a máxima “Buscai e achareis.”

(Sintonia: Cap. Campeonatos, pg. 214, Livro da Esperança, Emmanuel e Francisco Cândido Xavier, Ed. CEC) – (Verão de 2015).

Alimentar-me adequadamente, tentando driblar os ‘vilões’, é apenas um dos quesitos para manter o corpo saudável.

Simultaneamente, há uma série de outros fatores, sendo os exercícios físicos o principal deles. Realizá-los, desde que se adéqüem à minha faixa etária, colaborará em muito com meu ‘preparo físico’.

Informar-me sobre o Evangelho é adentrar no psiquismo de Jesus, ou estaria eu alimentando adequadamente não meu corpo, mas minha alma.

Todas as informações que me cheguem sobre o assunto, sejam das obras básicas ou publicações sérias e que façam parte do ‘cardápio do Mestre’, estarão me ajudando na alimentação espiritual.

Se eu, entretanto, apenas me deleitar com as iguarias da palavra, não a colocando em prática, estarei deixando de realizar os exercícios necessários à minha performance espiritual e moral.

Meu Divino Nutricionista me deixou bem claro que somente a alimentação da palavra não bastaria; precisaria me tornar fortificado e resistente através da ação.

É preciso pensar em Jesus, sentir Jesus, viver Jesus.

Pensar é me manter em colóquio mental amoroso, pois de que adianta Ele estar próximo de mim se eu não O permitir?

Sentir é me interessar por tudo aquilo que Ele disse e fez…

…Mas viver é bem mais profundo: É passar do pensar e do sentir à atuação. Viver o Mestre não é ser espectador… é ser intérprete!

Jesus está cada vez mais próximo de nós não só porque há os que o anunciem e revelem, mas, e principalmente, porque o vejo estampado e ao vivo em todos os necessitados do corpo e da alma.

Se eu conseguir alimentar-me desse cardápio balanceado e me exercitar junto aos necessitados de tudo, estarei buscando a melhor saúde para minha alma.

(Citações em itálico e sintonia são do cap. Meditar com Jesus, pg. 50 de Recados do meu coração de José Carlos De Lucca/Bezerra de Menezes, Ed. InteLítera) – (Inverno de 2012).