Posts Tagged ‘Imobilidade’

No-BBB-664x374Será impedimento às nossas lutas, sentirmo-nos fracassados, até perante nossos próprios confrades, quando não encontramos eco aos nossos combates a realitys exibidos periodicamente em nossa TV?

Que fazer com as pessoas e circunstâncias que nos compelem ao retardamento e à imobilidade?

“É impossível que não haja escândalos, mas ai daquele por quem eles vêm! (Lucas, 17: 1).

* * *

O Apóstolo dos Gentios, Paulo, vem assistir aos Hebreus, nesta questão e não deixa de nos socorrer, na atualidade, respondendo-nos: “Pondo de lado todo o impedimento.” (Hebreus 12: 1).

Se o próprio Cristo, através de Lucas, nos adverte que “é impossível que não haja escândalos” e Paulo de Tarso nos pede que “ponhamos de lado todo o impedimento”, tais impedimentos, naturais nas lides Crísticas, já deixarão de serem impedimentos.

Todos os nossos fracassos merecerão nosso autoperdão; e todos os fracassos de nossos confrades, – aqueles mesmos que ainda curtem realitys – também deverão merecer nossa compreensão e tolerância.

Nosso Cristo – o da doutrina dos Espíritos – não é diferente do Cristo dos católicos, evangélicos, luteranos… Pensamos que Cristo, independente do credo, nivela-nos as responsabilidades perante nós próprios e os outros. Credos, portanto, não será o impedimento…

O divulgador não espera retorno: se tiver que esperar algum que seja o fel de todos aqueles aos quais a verdade da Boa Nova ainda perturba. Nem a fealdade de alguns poderá se transformar em impedimento ao difusor.

Os dogmáticos, – os há dentro da própria doutrina dos Espíritos – aqueles que ainda colocam afirmações doutrinárias acima de postulados fraternos, não serão impedimentos para todos os cristãos que crêem que “a fraternidade será a única religião do futuro.” Exumar, dissecar e alardear velhos pensamentos dogmáticos? Impedimento nenhum!

Realitys, – ‘realidades’ – pegando carona no termo, fazem parte, ainda, da realidade de cada um. Cada estágio evolutivo pressupõe ‘uma’ realidade. Haverá um tempo no qual a realidade de indivíduos que acena para tais programas, já não mais acenará…

… Quanto aos seus criadores e divulgadores, esses responderão conforme as palavras do Sábio que já os houvera acautelado: “Ai daquele!”

(Sintonia: Fonte viva, Cap. 12, Impedimentos, ditado por Emmanuel a Chico Xavier, 1ª edição da FEB) – (Cassino; verão de 2016).